Arquivo mensal: março 2012

Estreia: Dicas de Sexta!

Sexta-feira é o dia favorito da maioria das pessoas. Só o fato de chegar em casa depois da escola, faculdade ou trabalho, e se sentir livre pelo resto do final de semana já é gratificante demais. Mas não é só isso, sexta-feira para o cinema é um dia de revolução. É dia de estreia!

Contudo, com tantos filmes no cardápio, é sempre difícil escolher qual assistir. Pensando nisso, o Nerd Revollution resolveu te ajudar dando dicas do que pode ser interessante e o que apenas quer seu dinheiro.

Assista: Um Método Perigoso (IMDb)

“Caramba, nunca ouvi falar, por que devo assistir?”. Primeiro, é um filme de David Cronenberg. “Quem?”, o espetacular diretor canadense é um dos mais originais ainda atuantes, influência direta de Quentin Tarantino por exemplo, pelo estilo em que trata a violência e o suspense psicológico. Segundo, o elenco é sensacional, com Michael Fassbender, Viggo Mortense e Keira Knightley. Terceiro, a trama se trata justamente dos pais da psicanálise, Freud e Jung, em um duelo amoroso e mental, ou seja, nas mãos de Cronenberg o resultado não pode ser outro se não um filmaço.

Leia o resto deste post

How Game of Thrones Should Have Ended

Essa semana não falamos de outra coisa a não ser de Game of Thrones. A segunda temporada volta no domingo! Mas enquanto tentamos conter a ansiedade, aqui está como a primeira temporada deveria ter terminado. Obviamente tem spoiler do final para aqueles que por algum motivo insano ainda não assistiram a série. De qualquer maneira, trate logo de (re)ver e junte-se a nós nessa loucura.

How Return of the Jedi Should Have Ended

A Arte de Andy Helms

por Andy Helms | em Ok, Totally

Crítica: Jogos Vorazes – por Lucas Fratini

Há duas maneiras de um filme atrair o público. A primeira é através da pesada publicidade capaz de lotar seções antes mesmo de existir uma opinião formada acerca dele, feita por atores famosos, trailers e cartazes em todo lugar. A segunda é o confiável murmurinho gerado pelo boca a boca de indicações e elogios, o famoso “tá todo mundo dizendo que é ótimo!”, mesmo que às vezes todo mundo seja uma única pessoa. Tudo com o objetivo de criar curiosidade suficiente para arrastar o espectador ao cinema.

Quando essa expectativa é correspondida, o filme estoura nas bilheterias, passando semanas no pódio e alimentando os estúdios com milhões. Porém, quando há decepção da plateia, ele é fadado ao fracasso e esquecimento, pagando com prejuízo o preço da ambição. E infelizmente esse é o destino irrefutável de Jogos Vorazes.

Leia o resto deste post

Raps Nerds: TM87 Pokémon Rap

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 191 outros seguidores